História

Fundadora

Madre Agathe Verhelle

(Inês Margarida Verhelle)

Nascimento - 23.02.1786

País - Bélgica

Filha do Sr. Francisco Verhelle e da Sr. Carlota Maria de Van Bussche, ela viveu numa Bélgica dominada pela França e pela Holanda protestante. As instituições católicas belgas estavam desmoronadas.

Pelo esforço pessoal (foi autodidata) e pela influência cristã de sua família, teve ainda cedo despertada a sua vocação de educadora, motivo que a levaria a fundar o Instituto das Damas da Instrução Cristã.

Em 23 de janeiro de 1923, era fundado o Colégio de Santa Cristina, terceira instituição da Rede Damas Educacional. Seguindo o ideal de Madre Agathe, o grupo formado por oito religiosas e uma leiga enfrentou três meses de viagem da Europa para instalar-se no Brasil. Em 15 de outubro de 1896, orientadas por Madre Loyola, as primeiras representantes do Instituto das Religiosas da Instrução Cristã chegaram ao porto do Recife. Foram elas as Irmãs Marie Alphonse Cloes, Marie Elisabeth Dobbelaere, Barbe Duchaine, Gabrielle de Vreese e Sylvie Goethls. Estabeleceram-se em Olinda, no Convento de São Francisco - primeira casa da Congregação no Brasil - onde já ofereciam aulas de música ao internato.

Com a eleição do 1º Bispo de Nazaré, o Revmo. Padre Ricardo Ramos de Castro Vilella, a cidade se revestiu de orgulho, riso e dignidade para ir ao encontro do seu bispo. O novo Bispo arregaçou as mangas e mergulhou nos pequenos e grandes problemas que foram surgindo. Sua pequena cidade era interiorana, rodeada por numerosos engenhos, que exploravam a monocultura canavieira. Inspirado na Diocese de Garanhuns, que possuía um colégio religioso desde 1912, fundado pelas irmãs belgas das Religiosas da Instrução Cristã, escolheu a educação religiosa como uma das bases do seu governo episcopal.

Nazaré já investia no Colégio Diocesano Bento XV, para rapazes e o novo Bispo resolveu transferi-lo para outro local, surgindo, então, um internato de meninas dirigido pelas Religiosas da Instrução Cristã. O primeiro dia de aulas do Colégio de Santa Cristina, hoje Colégio Santa Cristina, aconteceu no dia 1º de fevereiro de 1923, segundo o que foi noticiado em 02 de fevereiro de 1923, no jornal da época, Gazeta de Nazareth.